Como Manter Sua Criptomoeda Segura

How to Keep Crypto Safe

O mundo das criptomoedas oferece muitas promessas e possibilidades aos seus usuários. É uma maneira relativamente nova de ganhar dinheiro, em comparação com outras instituições financeiras que possuímos, mas seu aumento explosivo atraiu muita atenção. Com essa atenção, vêm as pessoas entusiasmadas que querem experimentar a mineração ou o trading e as pessoas que querem tirar vantagem delas e do próprio sistema. 

É por isso que você precisa aprender como proteger seus ativos e como armazenar sua criptomoeda. E não se preocupe, a Changelly está de olho nessa questão, com este artigo e muitos outros. Agora, vamos dar uma olhada no que você pode (e deve) fazer para garantir que ninguém, exceto você, possa desfrutar dos frutos de seus trabalhos de criptografia.

#1. Sempre DYOR

DYOR significa ‘Faça sua própria pesquisa’. Então, sim, basicamente você deve sempre verificar e verificar novamente qualquer informação de artigos ou postagens sobre criptografia. Conselho bastante simples, não é? Sim, é, e agora vamos ver por que você deve fazer isso.

Embora a criptomoeda seja uma novidade em comparação com outros mercados financeiros, ela atraiu muita atenção do público, dos políticos e da mídia. Existem dezenas de milhares de materiais escritos sobre o assunto, com inúmeros blogs, colunas, boletins por e-mail e assim por diante. Nem todos eles podem ser precisos. Pode ser um erro honesto, um pouco de negligência ou até mesmo um pouco de informações desatualizadas que os editores ainda não tiveram tempo para corrigir. Independentemente do motivo, é fato que você pode encontrar informações imprecisas e isso pode afetar suas ações e, como resultado, seus ativos.

Para evitar isso, verifique as informações que obtém e fique de olho em todos os dados adicionais que encontrar. Seja um gráfico histórico de preços de criptografia, novos recursos da plataforma de câmbio ou taxas adicionais em transações comerciais, tudo pode ser útil. Sem mencionar que isso pode impedir sua perda ou aumentar seu lucro. Tenha isso em mente e você poderá evitar algumas situações infelizes.

Como passar o KYC: explicado por Changelly

#2. 2FA e senhas fortes

Conselhos muito mais diretos, alguns podem até chamar de óbvio: use senhas fortes e 2FA para suas contas. Todas as contas, mesmo aquelas que você não usa para armazenar criptomoedas, devem ser protegidas. Afinal, você não sabe qual parte dos seus dados pessoais pode ajudar os hackers a colocar as mãos no seu dinheiro. 

Senhas fortes são necessárias e devem consistir em letras maiúsculas e minúsculas, símbolos e números. Idealmente, eles teriam mais de 10 símbolos e não seriam uma conexão com sua vida pessoal. Afinal, não faria ninguém adivinhar qual é a sua senha com base no seu programa favorito ou preferência pessoal nas misturas de café. Uma ótima idéia seria usar um randomizador de senha junto com um arquivador de chaves. Dessa forma, você pode usar senhas fortes diferentes para cada conta e mantê-las à mão.

2FA significa autenticação de 2 fatores. O que isso faz? O 2FA permite que você conecte sua conta ao seu email, celular ou dispositivo especial. Após essa conexão, você receberá uma chave de segurança sempre que tentar fazer login. Ela protege sua conta caso alguém tenha acesso à sua senha, pois os hackers também precisarão dessa chave especial para entrar na sua conta. Portanto, mesmo se a proteção por senha falhar, você ainda poderá proteger seus ativos. 

Diferentes mídias oferecem graus variados de proteção, com um e-mail oferecendo menos proteção do que outros, simplesmente porque você pode perder uma senha para ele. Você também pode ativar um 2FA para sua conta de e-mail, por isso é um problema menor.

#3. Escolha carteiras fortes

Outro conselho aparentemente óbvio que esconde profundidades. O que é uma carteira forte? Como você encontra e escolhe uma? Bem, o primeiro critério de uma carteira forte é que ela venha de uma fonte respeitável. Com a quantidade de criptografia, trocas e empresas que trabalham com eles, é difícil rastrear quem faz o quê e se essa elegante carteira  de desktop vem de um desenvolvedor honesto. Ou apenas um desenvolvedor que pode criar uma carteira segura. 

Descubra como escolher uma carteira adequada para armazenar com segurança sua criptomoeda no guia do Changelly

Um bom passo nessa direção será seguir o nosso Conselho nº 1: faça sua própria pesquisa. Verifique as críticas da carteira, veja se há algum problema. Um bom lugar para fazer isso seria o Reddit e, se ele aparecer no Google Play ou no AppMarket, você poderá procurar as resenhas lá.

Temos muitas análises de carteira para quase todas as criptografia. Confira.

Além disso, veja como o desenvolvedor reage a essas análises: eles tentam se envolver ativamente com a comunidade ou apenas os ignoram? Se for um projeto de código aberto, procure seu GitHub, veja se ele está ou não em desenvolvimento ativo. Essas coisas, embora não provem a honestidade de um desenvolvedor, podem mostrar sinais diferentes de que essa carteira pode ser um vaporware.

Também seria útil escolher o tipo de carteira que você precisa. Tipos diferentes têm vantagens e desvantagens diferentes, com as carteiras de armazenamento a frio sendo basicamente invencíveis a qualquer hacker (pois estão desconectadas da Internet), mas, ao mesmo tempo, não são tão facilmente acessíveis quanto as carteiras da Web ou de desktop. 

#4. Escolha uma troca confiável

Essa é bem direta: afinal, não importa quais senhas você usa ou onde você armazena sua criptomoeda se sua transação simplesmente desaparecer no caminho. Junto com a plataforma que você escolheu usar. Para evitar isso, você precisa garantir que a troca que você escolheu seja confiável.

Existem alguns critérios que você pode verificar para ver se você deve usar uma determinada plataforma ou não. A reputação é uma delas, e você pode descobrir isso nas mídias sociais, como as comunidades orientadas a criptografia do Reddit, bem como os blogs de criptografia. Outra é a segurança, que inclui se a bolsa usa ou não o 2FA e se ela armazena sua transação na plataforma ou não, além de mais algumas. 

Se você quiser saber um pouco mais sobre como escolher uma troca confiável de criptomoedas, a equipe da Changelly publicou recentemente um artigo sobre isso. Confira para ver como avaliar se a troca é confiável ou não.

Como escolher uma troca de criptomoedas

#5. Evite phishing

O ataque de Phishing é um tipo de golpe em que o criminoso entra em contato com a vítima por e-mail, telefone ou texto e tenta convencê-la a entregar informações pessoais. Geralmente, são informações de uma conta bancária, mídias sociais e senhas de email ou detalhes de cartão de crédito. Nesse caso, também pode incluir o endereço da carteira, a chave de segurança e a senha da conta de troca. Você pode adivinhar por que isso seria uma coisa ruim.

Existem algumas maneiras de evitá-lo.

  • Verifique o endereço de email da pessoa que enviou o email. Pode ter um endereço semelhante ao usado por um banco ou serviço, para que você não perceba à primeira vista. Procure símbolos irregulares, como ‘1’ em vez de ‘i’, letras adicionais e assim por diante. 
  • Procure se o endereço do remetente pertence ou não ao domínio corporativo ou se o remetente possui um número de telefone corporativo. Normalmente, os phishers não têm acesso a isso, então enviam seus ataques a partir dos endereços e números de telefone habituais.
  • Não divulgue suas informações pessoais a quem as solicitar. Ninguém tem autoridade para solicitar que você forneça seus dados pessoais em qualquer mensagem ou ligação.
  • Não baixe nenhum arquivo enviado a você por contas suspeitas, especialmente se você não o espera. Fazer isso é um risco à segurança cibernética, pois você pode obter um malware que pode (e provavelmente irá) roubar seus dados.
  • Não siga os links dessas mensagens. Pode enviar você para a página de destino falsa que exige que você preencha suas informações de login. É aqui que você perderá sua conta.

E isso é apenas alguns ângulos possíveis do ataque. O phishing melhora e se adapta continuamente, com os golpistas pensando em mais esquemas e métodos para obter seus dados. Portanto, fique atento, ou mesmo o melhor sistema de segurança não seria capaz de economizar seu dinheiro.

Golpes de criptomoeda em 2019

Considerações Finais

Com tudo isso, agora você tem noções básicas sobre como proteger e armazenar sua criptomoeda. Essas são regras básicas que serão úteis para quem trabalha com criptografia, não importa o que faça: mineração, trading ou apenas recebimento de pagamentos em BTC. Contanto que você armazene criptomoeda e deseje mantê-la, lembre-se dessas dicas. 

Obviamente, existem mais maneiras de armazenar com segurança suas moedas e tokens, como armazenamento a frio, por exemplo. Então, sim, faça sua pesquisa, mantenha você e seu dinheiro seguros e fique atento a mais artigos relacionados à criptografia e segurança da Changelly!


Sobre Changelly

Changelly é uma troca de criptografia instantânea segura que possui mais de 150 criptomoedas disponíveis para serem trocadas e compradas com os melhores valores do mercado. Em operação desde 2015, a plataforma e seu aplicativo móvel atraem mais de um milhão de visitantes por mês, todos com trocas rápidas e simples, baixas taxas transparentes e suporte ao vivo 24/7.